Tem gente que não vive, ocupa espaço.
Vive em busca de falsos beijos e abraços
Na tentativa de preencher suas vidas vazias.
Às vezes na balada, na rua ou academia.

Tem gente que não existe, preocupa.
Só querem saber de aparecer, a qualquer custo.
E pra isso todo meio é desculpa:
Televisão ou internet, simples ou robusto.

Tem gente que não sonha, reclama.
E tudo se torna motivo para tal…
“Tá tudo muito ruim, to meio mal…”
Estão sempre pra baixo, moram na lama…

Tem gente que não é, está sendo.
E essa gente é todo mundo.
Completando-se a cada momento,
Reinventando-se a cada segundo.

Enfim, há também essa gente
Que procura viver à sua maneira,
Não quer caô, não briga, não mente…
Gente batalhadora e guerreira…
Essa gente que tá sempre com um sorriso e não faz cena…
Essa gente eu quero, essa vale a pena!