Quando alguma coisa te parece certa,
Um motivo certamente existe.
Pode não ser uma razão aberta,
Mas você sempre tem ao menos um palpite.

E quando essa sensação aparece
Não adianta, não há muito a fazer:
O que tem que acontecer, acontece
E é por isso que no acaso há prazer.

Se, porém, algo te parece errado
Então, de pronto, o melhor é sair fora
Para no futuro não se sentir culpado
Por um erro que pode evitar agora.

A chave está na sensibilidade
No saber entender as coisas no ar
E buscar constantemente a felicidade,
O equilíbrio, a sintonia, seu lar.

Confia muito mais nos teus instintos,
Leva contigo a tua intuição,
Esquece um momento o teu existo
E passa a buscar teu coração.

Anúncios