O corpo transborda sangue
Feridas carne viva
Podre perfume carniça
Ácido gosto da língua.

Mais carregada que ida
Segue cortante e cortada
Miserável alma perdida
Forte vil abandonada.

Rastejante desistente
Confuso e fracassado
Sem nada, pobre
Escassamente humano.

Sem escolha continua
Cega, sem corte
Nem destino, nem lua
Nem dia, nem sorte.

Destruída, segue.